Mística cristã
            Espiritualidade             Mística cristã             Poema de Natal
22/12/2017 João Cabral de Melo Neto Mística cristã Poema de Natal
A+ a-
João Cabral de Melo Neto
Fernando Alves

— De sua formosura deixai-me que diga:

é uma criança pálida,

é uma criança franzina,

mas tem a marca de homem,

marca de humana oficina. 

De sua formosura deixai-me que diga:

é tão belo como um sim numa sala negativa.

Belo porque é uma porta abrindo-se em mais saídas.

Belo como a coisa nova na prateleira [até então] vazia.

               (João Cabral de Melo Neto)

Nome:
E-mail:
E-mail do amigo:
Leia os artigos...
                  
Receba as novidades da Catequese do Brasil. Cadastre seu e-mail...